Buscar
  • Eloah

20. Por que um profissional idoso pode ser essencial para sua empresa


Para psicanalista especializada em bem-estar na terceira idade Eloah Mestieri, quem contratar um idoso contará com um profissional com grande maturidade emocional, que pode agregar muito valor para o time e a corporação

São Paulo, fevereiro de 2020 - Não é nada incomum que pessoas com mais de 70 anos sofram preconceito do mercado de trabalho. De acordo com pesquisa recente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apenas 7,9% das pessoas que estão trabalhando, no Brasil, possuem mais de 60 anos. Desses, apenas 26% possui carteira assinada.

Apesar da mudança de pensamento por parte de algumas empresas, que vêm criando programas de contratação para pessoas da terceira idade, o idoso continua a enfrentar muitos obstáculos no mercado de trabalho. Para Eloah Mestieri, psicanalista especializada em bem-estar na terceira idade, uma pessoa hoje aos 60, 70 anos, ou mais, tem as mesmas condições em termos de capacidade de outra com 40, 50 anos. De acordo com Roberto Bernabei, Representante da Associação Italiana de Geriatria, uma pessoa de 70 anos hoje, faz aquilo que fazia quando tinha 50, só que com mais experiência e capacidade intelectual”.Pode e deve ser cada vez mais valorizada no mundo corporativo. O geriatra dá como exemplo seu próprio pai, que, aos 70 anos, abriu uma produtora de cinema e obteve grande sucesso.

“Os idosos de hoje, são os jovens dos anos rebeldes, (anos 60/70) que tiveram grande influência nas mudanças da sociedade, superarando tantos desafios na juventude. Enfrentaram os ‘anos da rebeldia’, como se costuma definir, fruto do advento da pílula anticoncepcional, do movimento hippie”, explica Eloah, que acredita que quem está nessa fase da vida está vivendo sua melhor fase intelectual.

Esses novos idosos, não poderiam chegar à maturidade, com os mesmos comportamentos daqueles das décadas passadas. Estão vivendo hoje, muito mais livres, buscando seu espaço, sua singularidade e continuando a incluir na sua vida, tudo o que sempre lhes deu prazer. São seres desejantes, e não passivos como foram seus predecessores.

Além disso, com o aumento de 33 anos na expectativa de vida, nas últimas décadas, o conceito de velhice aos sessenta é um dado desatualizado.

“O jovem de hoje em dia tem muito a aprender com o idoso. Muito mais do que imagina. As pessoas da terceira idade já viveram muitas experiências em suas vidas, aprenderam lições, superaram desafios, e podem passar esses ensinamentos adiante”, ressalta a especialista.

Eloah lista 5 motivos pelos quais vale a pena contratar idosos:

Novo perfil do idoso

Para a psicanalista, é preciso mudar a mentalidade sobre a população idosa. “Não é mais possível enxergá-los como pessoas dependentes”

Por isso, na visão da especialista, ter idosos no quadro de colaboradores só tem a agregar a qualquer empresa. “Empresas de qualquer setor, de todos os portes, certamente só têm a ganhar se apostarem em pessoas da terceira idade. Hoje os idosos têm disposição de sobra e podem ser um importante contraponto à visão e às ideias dos colaboradores mais jovens, trazendo ideias e pontos de vista diferentes”, diz Eloah.

Dedicação e senioridade

Outro motivo pelo qual a especialista aconselha donos de empresas a deixarem o receio de lado e darem uma chance aos idosos é o comprometimento. “Eles certamente farão um trabalho muito dedicado, com responsabilidade, e vão dispor de uma maturidade emocional muito maior que os trabalhadores mais jovens, por conta da grande experiência profissional que possuem. ”

Diversidade de ideias

Devida à ampla experiência profissional adquirida ao longo dos anos, os idosos possuem a capacidade de compreender e proporcionar uma maior diversidade de ideias dentro do ambiente de trabalho. “Esse tipo de trabalhador respeita a opinião do próximo e cria um debate saudável entre os colegas da equipe”, esclarece Eloah.

Antecipar cenários

Quem já trabalhou mais de quatro décadas certamente terá uma maior capacidade de encontrar soluções mais rápidas para problemas do que um jovem profissional recém-saído da faculdade. “Os profissionais experientes podem ser utilizados como fonte de inspiração para os jovens, em função de suas longas bagagens socioculturais, e são muito valiosos para as empresas, ajudando a otimizar processos e economizar tempo, energia e recursos”, conclui a especialista.

Maior capacidade de solucionar problemas

O sistema nervoso possui propriedades que podem diminuir o impacto do envelhecimento como a neuroplasticidade, que é a habilidade dos neurônios maduros desenvolverem e formarem novas conexões.

Outro fator muito importante,

Na idade mais madura, há uma comunicação maior entre os dois hemisférios cerebrais, sendo o direito responsável pela parte leve, artística e emocional e o esquerdo, pelo raciocínio lógico, a matemática, etc. Esta maior interação, propicia uma facilidade maior para solucionar problemas nas idades mais avançadas do que é verificada no adulto mais jovem.

Uma pessoa idosa, só não estaria apta a desempenhar funções que exigem alta capacidade intelectual, se apresentar algum problema neurológico.

Um exemplo disso, são os ganhadores do Prêmio Nobel, nas áreas científicas, que têm em sua grande maioria, pessoas acima de 60 anos.

6 visualizações